I gave up My Life to save you. Please do not let Me lose you now. I love you, My children. I weep as I implore you one last time not to reject Me in favour of the deceiver.


15 jul 2011 Execução, Eutanásia, Aborto e Suicídio

sexta-feira, 15 julho 2011 15:30

Minha filha, quando os Meus filhos sentem amor nos seus corações, eles podem ter a certeza que Eu estou presente nas suas almas. O Meu Amor vai manter os Meus filhos mais fortes quando menos o esperem. Isso também é Verdade para os pecadores endurecidos, cujo exterior esconde, muitas vezes, um coração terno.

Cada pessoa na Terra é um filho Criado por Deus Pai. Devido a isso, a Luz existe dentro de cada pessoa, embora possa ser muito fraca quando as almas são atraídas para a escuridão. No entanto, a Minha Luz ainda está presente. Pois sem ela haveria escuridão completa, em que essa Luz não podia funcionar. Quando as almas alcançam um terrível estado de escuridão, muitas vezes recorrem ao suicídio. Isto é devido à fraqueza da alma e do espírito. Satanás rouba as suas almas ao convencê-los a acabar com as suas vidas. Muitos dos Meus seguidores não entendem o estado que tamanha escuridão pode ter sobre aa suas almas, então eles devem rezar muito por esses filhos que estão nesse estado de desespero.

Deus, o Meu Pai Eterno, é sempre Misericordioso e ajuda sempre essas almas, as quais sofrem de tal forma que as suas mentes não podem funcionar em pleno estado de razão. Um pecado mortal só pode ser cometido quando uma pessoa, em plena capacidade mental, tem intenções claras, quando ele ou ela sabe que o que estão a fazer é errado. Então, por favor, não penseis que essas almas estão completamente perdidas, pois muitos não sabiam o que estavam a fazer.

Estai cientes de que a eutanásia é desaprovada pelo Meu Pai, e não é tolerado que uma pessoa possa tirar a vida de outra, conscientemente. Nenhuma razão pode ser invocada para justificar isso em Nome do Meu Pai. A tolerância pode ser apresentada através do argumento de tratamento humanitário, para justificar esta acção, mas nenhuma pessoa excepto o Pai Todo-Poderoso pode decidir sobre a data da morte, pois não é um direito do homem. Nunca lhe será dada a autoridade para cometer esse pecado mortal.

Toda a desculpa é dada pelo homem, ao tirar a vida de outro, mas nenhuma delas será aceite como direito seu, em quaisquer circunstâncias. Isso aplica-se à execução, aos pecados do aborto e da eutanásia. Elevai-vos todos agora, e lembrai-vos de que seríeis julgados duramente se quebrásseis o mais Sagrado de todos os Mandamentos do Meu Pai. Não Matarás. Lembrai-vos de que há um só Deus e só Ele pode decidir quando a vida é para ser tirada. Se quebrardes esse Mandamento, com pleno conhecimento do que fazeis, vós sofrereis o tormento do Inferno para a Eternidade.

Por favor, Eu vos imploro, não cedais às pressões de Satanás, que constantemente incentiva a tirar a vida, de modo a que ele possa roubar as almas que de outra forma seriam destinadas ao Reino Glorioso de Meu Pai.

O vosso Divino Salvador

Mestre e Redentor

Jesus Cristo

 



15 jul 2012 Virgem Maria: A Igreja do Meu Filho na terra não escuta neste tempo, mas eles sabem como o meu Filho foi tratado da primeira vez

domingo, 15 julho 2012 13:45

Minha filha, a dor sofrida pelo meu Filho e seus discípulos durante o tempo da Sua Missão na terra, é idêntica à que será suportada pelos Seus seguidores, quando Ele se preparar para voltar.

Durante o tempo do meu Filho na terra, Ele enfrentou enormes obstáculos. Muito poucos estavam preparados para O ouvir, na sua própria comunidade.

Ele foi tratado com desdém, e menosprezado pelos que estavam encarregados dos templos e das sinagogas.

No entanto, Ele foi bem recebido pelo povo simples e a Sua Palavra foi aceite, porque eles puderam ver a Verdade que Ele falou.

A Sua Palavra criou medo e incerteza em muitos lugares, mas poucos poderiam ignorar a sabedoria dos Seus Ensinamentos.

O meu Filho gerou a divisão, apesar de não ser essa a Sua intenção.

O Seu comportamento simples fez com que poucos pudessem aceitar o facto de que Ele era o Filho de Deus.

Muitos perguntavam, como pode o Filho do Homem ser um tão simples homem comum?

Eles negaram-No, porque pensavam que o Messias seria majestoso, orgulhoso e que deveria ter uma posição de comando, na mais alta hierarquia da Igreja.

O meu filho não conseguiu que os chefes da Igreja daquela época O ouvissem. O seu orgulho impediu-os de ouvir a Verdade.

O mesmo vai acontecer agora, quando o meu Filho prepara o mundo para a Sua Segunda Vinda.

A Igreja do meu Filho na terra não escuta neste momento, mas eles sabem como o meu Filho foi tratado da primeira vez.

Desta vez, a Sua Santa Palavra, que vos é dada pelo profeta do Fim dos Tempos, não será aceite na Igreja do meu Filho na Terra.

A Igreja de meu Filho faz ouvidos moucos para o Dom da profecia. Eles negam a profecia, porque eles não querem ouvir.

Os discípulos do meu Filho serão virados pelos responsáveis da Igreja Católica na Terra, e acusados de serem falsos.

Embora os Ensinamentos do meu Filho nunca mudassem, eles vão encontrar falhas na Sua Santa Palavra que lhes é dada agora.

Eles declararão que estas Mensagens estão em contradição com a Palavra de Deus.

Vós deveis lembrar-vos sempre, filhos, que o meu Filho nunca poderia contradizer a Sua Igreja na Terra, pois Ele é a Igreja.

A Verdade ainda é como sempre foi.

Vós deveis seguir a Palavra de Deus, pois a Voz do meu Filho está a ser posta de lado, e simplesmente ignorada, como da primeira vez.

Não vos permitais negar a Sua Dádiva de Salvação, o último acto da Sua Misericórdia sobre a Terra.

Tão paciente tem sido o meu Filho, por tanto tempo. A Verdade foi dada à humanidade na Paixão do Meu Filho na Cruz.

Foi reforçada por todas as almas eleitas, que foram iluminadas pelo poder do Espírito Santo ao longo dos séculos.

Agora, chegou o momento de o meu Filho vir de novo e, apenas aqueles que reconhecem a Sua voz, por causa do Dom do Espírito Santo, seguirão as Suas instruções.

A Igreja, tal como eles fizeram durante o tempo de meu Filho na Terra, pela primeira vez, rejeita a Sua Palavra, enquanto Ele prepara a Sua Segunda Vinda.

Eles vão deixar de O reconhecer ou aceitar.

Eles não aprenderam nada.

Orai para que as almas corajosas dentro da Igreja, que reconhecem a Sua Voz, tenham a coragem de levar todos os filhos de Deus para a vida eterna, neste momento crucial da história.

A vossa amada Mãe

Mãe da Salvação



15 jul 2013 Aos sacerdotes: O dia em que vos será pedido para negar a Minha Divindade não está longe

segunda-feira, 15 julho 2013 15:52

Minha querida e amada filha, Eu devo chegar neste momento aos Meus sacerdotes que estão agora a começar a perceber que Eu falo para o mundo  através destas Mensagens.

Vós deveis ser cuidadosos. Vós deveis seguir as regras do Minha Igreja na Terra, uma vez que elas permanecem como eram e não foram alteradas. Não vos sintais desmotivados, pois vós fostes enriquecidos com o Dom do Espírito Santo. Quando vos pedirem para Me negardes, isso será feito de uma maneira subtil, mas mortal. Ser-vos-á pedido para abraçardes a doutrina de todas as religiões para lá do Cristianismo. Ser-vos-á dito de que isso é para o bem de todos e que esta renovação, incluindo toda a aproximação, é o meio para obter um fim – no qual a humanidade poderá finalmente ficar unida, através de meios pacíficos.

Todas as outras religiões, credos, fés e doutrinas que honram o Meu Pai, mas que não Me reconhecem, a Jesus Cristo, ficarão sob a alçada do antipapa. Vós, pelo poder da besta – à sua maneira - sereis estimulados a abraçar os vossos irmãos e irmãs. Ser-vos-á dito que todas as religiões que honram a Deus estão unidas como uma aos Olhos de Deus. Quando contestardes, vós sereis repreendidos. Quando explicardes que o único caminho para Deus, o Meu amado Pai, é através de Jesus Cristo, eis o que vos será dito:

"Tu não entendes que Deus ama todos os Seus filhos, desse modo, ao não demonstrares amor e compaixão para com a Sua Igreja, abraçando-os - incluindo as suas crenças – tu és um hipócrita"

Agora, entendei isto. Quando vós aceitardes que todas as religiões devem ser abraçadas como uma - que vos deveis colocar ao lado, para mostrar respeito pelos credos que não reconhecem o Filho do homem -, então vós sereis culpados de um pecado terrível. Então, vós estais a negar-Me.

Aos que possam ser levados a este engano, sabei que aparecerão outros sinais que apontam para uma coisa – a Minha Divindade não será mais proclamada.

As vossas igrejas verão aparecer novas cruzes, dentro das quais a cabeça da besta será incorporada, os vossos altares serão alterados e ridicularizam-Me. Todas as vezes que virdes símbolos novos e incomuns na Minha Igreja, olhai com cuidado, porque a besta é arrogante e ostenta a sua maldade, exibindo sinais em sua honra.

Aqueles dentre vós que não estiverdes alertados para este engano, sereis sugados para práticas que não Me honram. Elas disfarçarão a sua verdadeira intenção, que será homenagear a Satanás e seus espíritos malignos.

Os sinais começaram. As acções de que Eu falo estão ainda por chegar, mas o dia em que vos será pedido para negar a Minha Divindade não está longe. Vós deveis manter os olhos abertos para aqueles que dizem que vêm em Meu Nome, mas que, ao invés, honram a besta, pois eles já estenderam as suas asas. Eles governam dentro do vosso meio, mas muitos de vós ainda não conseguis ver a abominação. Mas, se vós Me amais, Eu conceder-vos-ei Graças para verdes a Verdade, porque Eu nunca vos abandonarei. O tempo está próximo e deveis preparar-vos para a escuridão que descerá em breve. Aqueles de vós que sois abençoados com a Luz de Deus sofrereis às mãos dos Meus inimigos.

Lembrai-vos destas palavras, recitai-as e Eu revelar-vos-ei a Verdade, através do Dom do Espírito Santo.

Cruzada de Oração (114) Pelos sacerdotes, para que recebam o Dom da Verdade

Meu Senhor, abri os meus olhos.

Permiti-me ver o inimigo e encerrai o meu coração

Para o engano.

Eu entrego-me todo a Vós, querido Jesus.

Eu confio na Vossa Misericórdia. Amém.

O vosso Jesus